Motorista é agredido por passageiro ao exigir uso de máscara em ônibus de Cuiabá

whatsapp-image-2020-08-19-at-13.08.04

Um motorista do transporte coletivo de Cuiabá foi agredido por um passageiro que se recusou a usar máscara para entrar no ônibus, nessa terça-feira (18). O equipamento de proteção é obrigatório nos veículos públicos para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Em nota, a Associação Mato-grossense dos Transportadores Urbanos (MTU) lamentou o ocorrido e se solidarizou com o motorista.

“A MTU se solidariza com o motorista que trabalha de forma correta atendendo as orientações da Organização Mundial da Saúde, do Ministério de Saúde e da Prefeitura Municipal”, diz.

O veículo fazia a linha 313 e estava parado em um ponto da Prainha quando o caso ocorreu.

Um vídeo gravado por pessoas que testemunharam a confusão mostra o momento em que o passageiro discute com o motorista na porta do ônibus. [Veja acima]

Após deferir vários palavrões contra o profissional, o homem dá um tapa na cortina de plástico do ônibus, instalada para proteger os motoristas, e atinge o motorista.

“Ah rapaz, o que é? Vai querer ainda? Vem aqui”, diz o passageiro. Em seguida, o motorista fala que ele “arrebentou o ônibus” e ele confirma.
A MTU disse que o motorista não registrou boletim de ocorrência, pois estava no meio do trajeto quando o caso ocorreu e ele precisava terminar a corrida para não prejudicar os outros passageiros.

A Associação dos Transportes afirmou que o maior desafio do transporte coletivo neste período de pandemia tem sido garantir a segurança dos funcionários e dos passageiros.

“Foram implantadas inúmeras ações visando coibir a contaminação dos passageiros e motoristas, mas é preciso que os passageiros façam a sua parte e usem máscara de forma correta ao entrar nos ônibus”, ressalta.

Atualmente, 100% da frota está em circulação, conforme determinação judicial, que estabelece a capacidade de 50% de cada veículo para o transporte de passageiros sentados.

Todos os motoristas são obrigados a trabalhar com máscara facial e usar álcool em gel, também disponibilizado a todos os passageiros na entrada do coletivo.

Site G1 Mato Grosso