Centro de controle vai facilitar o monitoramento e segurança no trânsito de Cuiabá

- Marcos Vergueiro
A Prefeitura de Cuiabá apresentou nesta quinta-feira (14) o Centro de Controle Operacional de Trânsito e Transporte, montada dentro da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), para auxiliar no monitoramento e segurança no tráfego de veículos na Capital. As câmeras já estão funcionando em tempo real em seis pontos da cidade e até o final do mês outras 24 serão instaladas. 
 
Seis agentes de trânsito farão o monitoramento nos períodos matutino, vespertino e noturno até as 23h. As câmeras possuem cerca de 15 metros de altura, raio de giro de 360 graus na horizontal,180 graus na vertical e alcance de até 1 quilômetro de distância. 
 
Atualmente são captadas imagens do trânsito na Getúlio Vargas (sentido Prainha e Morro da Luz), Miguel Sutil (sentido Avenida Dante de Oliveira), Avenida do CPA (próximo à Polícia Federal), Avenida General Mello (sentido Fernando Corrêa) e Tenente Coronel Duarte (sentido bairro Dom Aquino). 
 
Além de propor uma mudança no comportamento dos condutores, a central também tem como objetivo diminuir o congestionamento nos horários de pico e identificar acidentes de trânsito envolvendo motocicletas, mais rapidamente. O sistema funcionará integrado à Secretaria Estadual de Segurança Pública que já utiliza 103 câmeras, as quais também são usadas para monitorar a segurança no trânsito. 
 
“A partir de hoje enxergaremos a cidade não somente segundo a perspectiva pontual, mas sistêmica e completa, para dar uma resposta mais célere à sociedade no dia a dia e também em grandes eventos. Não tenho dúvida alguma que diante dos desafios que enfrentamos esta é uma grande conquista para melhorar a prestação de serviço público”, afirmou o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Thiago França.
 
Durante o lançamento, também foi exibido o “Painel Mobilidade Segura”, criado para fornecer informações sobre a circulação das linhas de ônibus, cumprimento de itinerário, entre outras. “A ideia é otimizar o atendimento e identificar se a população está sendo atendida corretamente. Nos próximos dias conseguiremos monitorar o número de passageiros que estão dentro do ônibus e reforçar a linha, se for identificada uma situação de lotação”, explicou o presidente da Associação Mato-grossense dos Transportadores Urbanos (MTU), Ricardo Caixeta. 
 

Compareceram ao lançamento a secretária-adjunta de Mobilidade, Anna Regina Feuerharmel;o secretário municipal de Fazenda, Pascoal Santullo Neto; a secretária de Gestão, Ana Paula Villaça; o secretário-adjunto de Tesouro, Serafim Barros; odiretor-presidente da Arsec, Alexandre Bustamante; e os vereadores Lilo Pinheiro e Leonardo Oliveira.