2ª Live sobre saúde bucal orienta trabalhadores do transporte coletivo quanto a higienização durante a pandemia

WhatsApp Image 2020-07-31 at 16.11.12

Na segunda live promovida pela Associação Matogrossense de Trabnsportadores Urbanos – MTU e o Sindicato das Empresas do Transporte Coletivo – STU em parceria com o SEST/SENAT o tema foi “Saúde Bucal durante a pandemia da COVID-19. Em decorrência da pandemia, surgiram novos hábitos alimentares e noturnos. Para acompanhar essas mudanças sem maiores prejuízos na saúde bucal, novos hábitos de higiene e alimentação são necessários. Participaram da live o dentista do SEST/SENAT, José Eduardo Franco e a administradora de empresa e coordenadora do Departamento de Recursos Humanos da empresa Expresso Caribus, Jeaninne Hintz Araújo Rondon.

O odontologista ressaltou que é preciso aumentar a frequência que se faz a higiene bucal seguindo o aumento do número de refeições. “A boca é uma das portas de entrada do organismo, permite interação do meio interno com o externo e por isso, principalmente nos tempos atuais os cuidados devem ser levados a sério pois infecções e inflamações na boca podem comprometer a imunidade do corpo”, disse.

Estresse, ansiedade, problemas psicológicos e emocionais podem elevar os níveis de cortisol, que se apresenta de forma crônica no organismo e interferem de forma negativa na imunidade podendo gerar também outros tipos de doença. José Eduardo complementa que “o estresse,a ansiedade e a falta de exercícios podem levar o paciente a apresentar um quadro de bruxismo que se não tratado gera prejuízos na estrutura dental e na musculatura envolvida”, explica.

Câncer Bucal

O Brasil é o terceiro país com o maior número de ocorrências de câncer de boca, com 15 mil casos por ano. Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA). O dentista informou que o autoexame é simples e ajuda na identificação de alterações bucais e na prevenção do câncer bucal. “Pode e deve ser realizado por qualquer pessoa, principalmente em homens e mulheres acima dos 40 anos, fumantes e aqueles que consomem bebida alcoólica com frequência.

A Live sobre saúde bucal na pandemia foi transmitida pelo Instagram @mtu_transportes e teve duração de 45 minutos. Ao todo foram feitas sete perguntas ao dentista, todas de trabalhadores do transporte coletivo de Cuiabá e Várzea Grande.